Circula pelas redes sociais o vídeo que mostra um casal sendo flagrado fazendo sexo em uma área de convivência, com mesas e churrasquearias, dentro do Capão do Corvo. O flagrante foi feito pelos vigilantes de uma empresa terceirizada que presta serviço para a prefeitura.

Conforme apurado pela reportagem,o vídeo foi gravado nesta semana. Os jovens, foram abordados e identificados pela equipe de segurança. Após a orientação, o homem e a mulher, foram liberados.

Questionada, a Guarda Municipal de Canoas informou que desconhece o fato porque não foi acionada pelos vigilantes. A Secretaria Municipal de Segurança Pública apura o ocorrido e o procedimento realizado pelos funcionários da terceirizada.

Pode dar cadeia
O ato, de acordo com o artigo 233 do Código Penal brasileiro, prevê que praticar ato obsceno em lugar público, aberto ou exposto ao público, pode dar prisão de três meses a um ano ou pagamento de multa.